No space left on device, mas ainda tem espaço livre!

Se você está enfrentando o erro “No space left on device”, mas ainda tem espaço disponível, você excedeu o número máximo de arquivos que o seu filesystem suporta, ou seja, não existem inodes disponíveis. Isto é um problema comum quando se tem muitos arquivos pequenos armazenados no filesystem.

Abaixo coloquei os comandos para ver o espaço livre, e os inodes livres, para você verificar se é este o caso, deve ver se o uso de inodes está em 100%.

Neste momento você deve estar se perguntando como aumentar o número de inodes livres em um filesystem já existente. O fato é que isto não é possível sem extender o sistema de arquivos, mas isto é como usar uma metralhadora para matar uma mosca, visto que você ainda tem espaço no disco, você só não tem inodes.

Então o melhor a fazer é mover os dados para outra unidade de armazenamento e formatar a partição novamente. A maneira mais simples de formatar o sistema de arquivos para suportar um grande numero de inodes é usando o comando “mkfs.ext4 -T news /dev/disco”.  Este comando recriará o seu sistema de arquivos, então faça isto em uma partição desmontada, depois de copiar os dados, pois você terá que copiá-los novamente depois.

PS: Para conhecer melhor as opções predefinidas em seu sistema operacional, dê uma olhada no conteúdo do arquivo /etc/mke2fs.conf .

Comando para ver o espaço em disco livre:

df -h

Filesystem            Size  Used Avail Use% Mounted on
/dev/mapper/VolGroup-lv_root
6,5G 1001M  5,2G  16% /
tmpfs                 5,8G     0  5,8G   0% /dev/shm
/dev/xvda1            477M   28M  425M   6% /boot
/dev/xvdb             493G  340G  128G  73% /data

 

Comando para ver a quantidade de inodes livres:

Filesystem             Inodes    IUsed    IFree IUse% Mounted on
/dev/mapper/VolGroup-lv_root
440640    22229   418411    6% /
tmpfs                 1518612        1  1518611    1% /dev/shm
/dev/xvda1             128016       38   127978    1% /boot
/dev/xvdb            32768000 24851284  7916716   76% /data

 

 

 

 

Servidor para empresas de pequeno porte

No estilo faça você mesmo, este tutorial tem por objetivo encurtar o tempo de aprendizagem dos que desejam configurar um servidor para uma empresa de pequeno porte utilizando as técnicas mais atuais.

Este tutorial tem como objetivo apresentar uma solução de baixo custo, sem abrir mão da segurança e disponibilidade.

Resumo:

  1. Hardware comum, disponível na lojinha aí perto;
  2. Tolerância à falhas de HD;
  3. Software livre e gratuito;
  4. Backup diário, seguro e de fácil restauração;
  5. Todas as vantagens de um ambiente virtualizado, destacando:
    1. Melhor utilização dos recursos;
    2. Possibilidade de migração de hardware;
    3. Possibilidade de expansão da infraestrutura;
    4. Multiplos sistemas operacionais no mesmo servidor (Windows, Linux, BSD, etc);

Continue reading Servidor para empresas de pequeno porte